Política de Devolução

Política de entregas e devoluções: A fim de estabelecer normas e procedimentos para as entregas de mercadorias e devoluções totais ou parciais contra o Grupo SVTM, detalhamos abaixo nossa política:

POLÍTICA DE ENTREGAS E RECUSA NO RECEBIMENTO DOS PRODUTOS

– No ato da entrega, o transportador é responsável por conferir toda a mercadoria junto com o cliente;
– Em caso de diferença de peso / volume, o Cliente deve permitir que a Transportadora entre e faça a conferência dos produtos;
– A empresa exige dos transportadores que eles tragam os canhotos assinados, carimbados e datados pelo cliente;
– As reclamações deverão ser efetuadas na hora da entrega da mercadoria nos clientes, exceto em caso das Redes atendidas que só serão aceitas depois de recebidas as ocorrências e autorizadas as devoluções parciais no momento da entrega, com acompanhamento do Gestor/vendedor área.
– Para recusa no ato da entrega: pela legislação, a mercadoria recusada no ato da entrega, deve ter a assinatura do cliente no verso da NF de venda com o motivo da recusa, se possível apor carimbo. Caso não seja possível o procedimento pelo cliente, deverá ser realizado pela transportadora.

Após a conferência, recebimento e assinatura do canhoto, o GRUPO SVTM entende que a entrega foi feita corretamente, estando qualidade, quantidade e valores corretos, não havendo, portanto, motivo para posterior reclamação por parte do cliente.
Havendo qualquer problema no ato da entrega o Departamento de Ocorrências e Pós-vendas do Grupo SVTM deve ser comunicado imediatamente para solucionar o problema ainda na presença do transportador.
O vendedor/representante/ gerente/ diretor deve ser acionado para participar da solução.

Motivos prováveis para recusa do cliente e regras do Grupo SVTM:

– Qualidade em desacordo – Comunicar ao Gestor/vendedor da área
No caso de recusa no recebimento se por qualidade, o transportador será responsabilizado uma vez que ele recebeu os produtos em perfeitas condições na transportadora. É primordial que a cada entrega nas transportadoras seja assinado pelo transportador o documento que atesta que as mercadorias foram recebidas em condições ideais de temperatura e volumes constantes nas NFiscais. Esses documentos devem ficar arquivados com o Departamento de Logística.
– Quantidade ou Tipo de Produto em desacordo – Acionar o Gestor/vendedor da área.
Impreterivelmente o Gestor ou Vendedor deve realocar o pedido para outro cliente na área sem ônus de frete para ambos.
-Preço ou prazo em desacordo – Acionar o Gestor/vendedor da área.
Caso a decisão seja refaturar no novo preço ou com o novo prazo, deve ser feita a devolução da venda e emitida a nova nota fiscal. Caso o cliente recuse o recebimento, impreterivelmente o Gestor ou Vendedor deve realocar o pedido para outro cliente na área sem ônus de frete para ambos. Não será possível realocação parcial, o Vendedor deve realocar o pedido em sua integridade. O prazo para Realocação do pedido por parte do vendedor será de 48 horas após a recusa da Nota Fiscal.
– Shelf Life em desacordo – Acionar o Gestor/vendedor da área.
No caso de o shelf life estar em desacordo, e o erro ter sido da fábrica ou da logística interna nossa, a mercadoria poderá retornar sem ônus para o vendedor. No caso de o shelf life estar em desacordo por atrasos do transportador, ele deverá ser responsabilizado. As penalidades para o colaborador interno, quando o problema tiver origem na fábrica ou na logística interna, serão resolvidas internamente – Logística – Expedição.

POLÍTICA DE DEVOLUÇÕES

Clientes sem acordo comercial

Toda e qualquer necessidade de devolução deverá ser comunicada ao Departamento de Ocorrências informando o motivo da necessidade de devolução e enviando fotos dos produtos a serem devolvidos de forma a identificarmos lote e validade.
Será gerado um protocolo de atendimento e em um prazo de até 24 horas nosso Departamento de Ocorrências entrará em contato autorizando ou não a devolução , exceto REDES. Para aceite, será necessário ok do vendedor e da Diretora Administrativa / Diretor Comercial.
Notas de devolução que chegarem sem protocolo de atendimento e aceite pelos gestores acima, poderão ser recusadas.
Clientes que descontarem indevidamente notas de devolução nos valores a pagar para o Grupo SVTM terão suas vendas bloqueadas.
As notas de devolução deverão ter prazo semelhante ao prazo de venda.

Clientes com acordo comercial (que tenham cláusulas de devolução inclusa):

Todos os produtos vencidos são descartados pelas REDES e AS com Acordo Comercial definindo Descarte na Origem. Os promotores responsáveis pelo abastecimento nesses clientes devem acompanhar e autorizar o descarte e emissão das NF devolução, com acompanhamento dos Vendedores/Gestor da área.

Clientes que descontarem indevidamente notas de devolução nos valores a pagar para o Grupo SVTM terão suas vendas bloqueadas.
As notas de devolução deverão ter prazo semelhante ao prazo de venda.

O Grupo SVTM não aceita DEVOLUÇÕES de mercadorias nos seguintes casos:

– A embalagem houver sido danificada no cliente;
– O produto apresentar emboloramento por perfuração da embalagem;
– O produto apresentar problemas devido a refrigeração inadequada, como estufamento da embalagem ou dessoramento (produto molhado ou com perda de gordura);
– O produto estiver amassado, partido ou triturado;
– O produto estiver fora da embalagem primária.
– No caso de REDES – AS – os clientes retiram o produto da área de vendas com apenas 4 dias para vencer do ponto de venda. O que deve ocorrer é tentar fazer ação de rebaixa no cliente para evitar as devoluções por validade. Acompanhamento do Gestor. Notas de devolução cuja emissão ultrapasse a 90 (noventa) dias da Emissão da Nota de Venda;
– Notas de Devolução não esteja referenciando CNPJ correto de venda no caso da São Vicente CD;
– Notas de Devolução sem motivo informado;
– Notas de Devolução sem referência das Notas de Venda e ou produtos, preços e quantidades corretamente.
– O prazo para pagamento da Nota de Devolução será o mesmo concedido ao cliente.
– Em caso de Acordos Comerciais que tenham a Cláusula de Devolução estabelecida, respeitar a mesma.
Caso o desejo da devolução seja motivado por problemas de qualidade (falta total de olhaduras em produtos tradicionalmente com presença de olhaduras, falta total de mofo no gorgonzola, dentre outros) e esteja em perfeito estado de conversação, apresentando mais de 50% de vida útil, a devolução será autorizada.

Obrigatoriamente, no caso de Notas que não atenderem aos critérios acima, teremos que providenciar manifestação negativa de Registro de Operação não Realizada, afim de nos resguardarmos fiscalmente. Tal procedimento só será adotado, após informação formal ao cliente, inclusive relatando o motivo da não aceitação da Nota, pois após efetuada a manifestação negativa de Registro de Operação não Realizada, não será mais possível dar Entrada na Nota Fiscal.
Quando o cliente regularizar a Nota, a mesma será lançada.