Category :

No próximo fim de semana as charmosas cidades de Ritápolis e São Vicente de Minas vão parar! Mas calma, é por um bom motivo: nos dias 15 e 16 de novembro os municípios terão a oportunidade de ver, com patrocínio do Laticínios São Vicente, o show do cantor e compositor mineiro Wolf Borges, um dos grandes representantes da nova música brasileira.

O show é patrocinado via Lei Estadual de Incentivo à Cultura pelo Laticínios São Vicente, que valoriza muito a região em que está inserida e, com muito orgulho, leva até os moradores esta atração cultural. A empresa apoia a arte e a cultura como ferramentas de bem estar social , cidadania e desenvolvimento.

No dia 15 seu palco é o Cine Teatro Pio XII, a partir de 20:30. Já no domingo, o show em São Vicente de Minas será realizado no Calçadão, a partir das 20h.

Wolf Borges: uma trajetória de sucesso

Com uma carreira consolidada em 30 anos fazendo canções que bebem em fontes regionais, mas dando um tom de inovação e vanguarda, Wolf Borges, traz em seu repertório um resumo de sua carreira e de seus quatro CDs autorais, além de releituras de clássicos da música brasileira. O som da viola de João Paulo Amaral, um de seus convidados para o show, remete à música de raiz, mas vai além: a performance revela a versatilidade da viola que transita entre o regional e o mundial. Além da viola, o show traz de Deivid Santos, ao violão e percussões de Fábio Daros. Vocais e participações especiais estão a cargo da cantora Jucilene Buosi.

wolf

Wolf Borges tem em sua discografia quatro CDs autorais produzidos de maneira independente, imprimindo em sua produção um padrão de qualidade internacional. Foi assim desde seu primeiro trabalho, Ímpar (1997) produzido ao lado do parceiro de composição Elder Costa – quem assina a produção é Marco Lobo (também percussionista). Sucesso na crítica especializada, o CD abriu as portas para outras produções ainda mais exigentes, como Singular (2003), com a participação de ícones como Leila Pinheiro, Cláudio Nucci, Paulinho Pedra Azul, Ivan Vilela que também dividiram palco com o artista em shows pelo Brasil. Em 2009 lançou Circo dos Sonhos, outro sucesso que abriu portas para o trabalho de Wolf em rádios no exterior e com participações especiais como Toninho Horta, Fátima Guedes e Toninho Ferragutti. Inquieto e criativo, resolveu ainda misturar a sonoridade da música brasileira, sobretudo no que diz respeito às harmonias sofisticadas vindas das Minas Gerais, com a sonoridade da música norte-americana – rifs e grooves que povoaram sua formação musical. Assim nasceu em 2012, com um casting de mais de 30 músicos que emprestaram seu talento para dar corpo à experiência quase científica de Wolf, o CD Pão de queijo music project.

Mais sobre o Queijos São Vicente e os shows de Wolf Borges

Fabricante brasileira com experiência e tradição de três gerações na produção de derivados do leite, a São Vicente é a única empresa descendente dos dinamarqueses que ainda desenvolve a arte de produzir queijos finos no Brasil – e oferece uma linha de produtos diversificada, com sabor inconfundível.

No seu mix encontram-se queijos tipo Gorgonzola, Brie, Camembert, Camembleu (Bleu de Bresse), além de queijos amarelos como Gruyère, Gouda, Emmental, Provolone, Prato Esférico e Estepe. Também fazem parte do seu portifolio o queijo Coalho e o Fondue.

Serviço: 15 de Novembro, sábado, 20:30

Local: em Ritápolis, no Cine Teatro Pio XII

Serviço: 16 de Novembro, domingo, 20:00

Local: em São Vicente de Minas, no Calçadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *